Página Principal Presidente Presidente Honorário Partido Media Center Contactos Siga-nos!
 

Notícias PS/Açores

Obra de construção da proteção de emergência já arrancou no Porto das Lajes das Flores


Vasco Cordeiro dedica o dia a contactos no Corvo no âmbito da retoma da atividade económica da Região


Reunião com o Presidente da Câmara da Praia da Vitória permitiu analisar a retoma económica no concelho, afirma Vasco Cordeiro


“Interessa agora trabalhar para que a economia e o emprego ganhem novo impulso” em cada ilha, afirma Vasco Cordeiro


Artigos de Opinião

Carlos Silva Carlos Silva
"Reerguer a Economia Açoriana"
2020-06-04
José Contente José Contente
"Da Autonomia"
2020-06-04
Francisco César Francisco César
"44 anos a cuidar de nós"
2020-06-02
Vasco Cordeiro Vasco Cordeiro
"Dia da Região | Mensagem do Presidente do Governo dos Açores"
2020-06-02
Francisco Coelho Francisco Coelho
"Retomar"
2020-05-30
Lara Martinho Lara Martinho
"A Bazuca chegou"
2020-05-30
Hernâni Bettencourt Hernâni Bettencourt
"Desconfinando"
2020-05-30
ESTÁ AQUI:Media Center»Opinião
Francisco Coelho

Opinião

"Bruxas"

Francisco Coelho
2020-02-02

 

É sempre com nostalgia que recordo os contos de fadas, bruxas e rainhas más. Quem não se lembra da caminhada de Capuchinho, pelo bosque inóspito, para visitar vóvó? E quem ainda hoje se não arrepia com o arriscado encontro com o lobo mau, travestido de avozinha, alçapremado na sua cama, fungando putativa gripe, de gorro em tentativa impossível de encobrir luperinas orelhas? Mas sobretudo quem ainda hoje se não sobressalta com a desusada ingenuidade de Capuchinho, quando lhe lança a constatação, que é também uma terrível dúvida: “Avó, tens uma boca tão grande…”.
Vem isto a pretexto da angústia de Bolieiro, sintomatizada em exibicionista negação, de objetor de “caça às bruxas” na nossa Administração Pública, em entrevista pós-congresso. Pois lembre-se que foi só a Lei nº 13/97, de A. Guterres, que veio pela primeira vez instituir a obrigatoriedade de concurso para o recrutamento de diretor de serviços e de chefe de divisão.
Antes disso, a velha autonomia que o jovem Bolieiro assessorou, inovou instituindo a seguinte pérola: o DLR nº 33/88/A, de 18 de outubro ( curiosa data…), conforme consta do seu curto mas basto preâmbulo, e “porque o bom funcionamento e a perfeita operacionalidade da unidade orgânica máxima da administração regional autónoma que é a direcção regional, dependem da boa articulação e confiança técnica das respectivas equipas dirigentes” -- “a comissão de serviço dos directores de serviço, chefes de divisão e equiparados findará também com a cessação das funções do director regional respectivo ou, na inexistência deste, da entidade de que organicamente dependem” (sic).
Se isto não foi um baile de bruxas, foi a adoção daquela antiga e bárbara prática hindu, em que as viúvas ardiam de amor marital na pira do finado cônjuge…
Agora que parecem ressuscitar as mais velhas bruxas, justifica-se o combate rumo à memória!

 

Mais Artigos

José San-Bento Balanço Intercalar



José Contente Confiar



Francisco Coelho Quarentenas



Lara Martinho "Apoio particular" para os Açores



Hernâni Bettencourt A Constituição e a Saúde Pública



João Paulo Ávila O Eu e o Nós



Sónia Nicolau Política do capricho versus a do medo



José Contente Ideias e práxis



<< < > >>

Arquivo Histórico do PS/Açores
PSA TV - Canal YouTube Ps/Açores

 
HomeNotícias | Media Center | Agenda | OpiniãoPartido | Presidente | Grupo Parlamentar ALRAA | Deputados AR | Deputados PE | Documentos | Links | Contactos
 
Sede Regional - Bairro da Vitória - Rua Dr. Armando Narciso, nº 5 – S. José - 9500-185 Ponta Delgada
Partido Socialista Açores © Todos os Direitos Reservados