Página Principal Presidente Presidente Honorário Partido Media Center Contactos Siga-nos!
 

Notícias PS/Açores

Vasco Cordeiro fixa meta de dois milhões de euros para o Orçamento Participativo da Região


Desemprego volta a baixar nos Açores e regista a segunda maior descida do país


Vasco Cordeiro anuncia projeto para fazer da Graciosa “ilha modelo” da mobilidade elétrica


Vasco Cordeiro enaltece esforço de 12.500 Açorianos que apostaram no reforço das suas qualificações


Artigos de Opinião

Francisco Coelho Francisco Coelho
"Ódio antigo"
2020-02-22
Hernâni Bettencourt Hernâni Bettencourt
"Uma saída à Bolieiro…"
2020-02-22
João Vasco Costa João Vasco Costa
"O exemplo?"
2020-02-21
Emanuel Furtado Emanuel Furtado
"O combate à pobreza e à exclusão social"
2020-02-20
Sónia Nicolau Sónia Nicolau
"(EU)tanásia"
2020-02-19
Mónica Rocha Mónica Rocha
"Filarmónicas açorianas honram o passado e melhoram o futuro"
2020-02-18
João Paulo Ávila João Paulo Ávila
"Filarmónicas dos Açores"
2020-02-14
ESTÁ AQUI:Media Center»Opinião
Mariana Matos

Opinião

"Apenas e só cumprir os Açores"

Mariana Matos
2010-09-28

 

A Autonomia não é um exclusivo genético de nenhuma força política nos Açores. Apesar disso há sempre, aqui e ali, visões distintas sobre a evolução do regime autonómico, bem como do seu desenvolvimento. Essas visões, quando concretas e não expostas como qualquer “síndrome de pater familias”, são sempre bem-vindas.

A Autonomia não é uma obra acabada. É por isso importante que as forças políticas açorianas falem a uma só voz numa matéria que é fundamental para a vida quotidiana regional.

Ora, independentemente do combate político normal e saudável em democracia, exige-se dos responsáveis políticos açorianos que coloquem o interesse dos Açores acima de qualquer desígnio partidário. Isto significa que a Autonomia dos Açores, enquadrada agora na discussão da Revisão Constitucional, não pode ser terreno fértil para uma contínua política de antagonismos e rivalidades.

Há matérias essenciais que não podem servir de pano de fundo para a luta partidária. Esta, seguramente, é uma delas. É fundamental que os partidos políticos – especialmente aqueles com maior representatividade e responsabilidade -, sejam capazes de entender-se quanto ao modelo funcional do regime autonómico.

Ninguém pode demitir-se deste debate ou, pior, fazer birra e fazer o jogo dos que, a nível nacional, querem aproveitar a Revisão da Constituição para manter resquícios de uma visão do Estado que, quer a história quer o exemplo da Autonomia, contrariam e desmentem.

É pois fundamental que, em nome dos Açores, os partidos políticos saibam responder com serenidade e sentido de Estado ao apelo já deixado pelo Presidente do PS/Açores para que, acerca da Revisão Constitucional, os Açores tenham uma posição sólida e unida.

Com mais de três décadas de regime autonómico, espera-se que todos saibam estar à altura de, com maturidade política, perceber o alcance do apelo deixado.

Não servem, por isso, os argumentos de diálogo condicional. Também não vale a pena, numa questão tão essencial, puxar de argumentos de mera infantilização política sobre quem toma primeiro a iniciativa de dialogar. E, por último, mas por isso não menos importante, que não se confundam planos nem se isole do debate os restantes partidos.

É tempo de unir e não partir. É importante que a líder do PSD/Açores perceba que optar pelo mimetismo político nacional (copiando as “arrelias” de Passos Coelho) não serve nem os Açores nem o tal código genético de que se fala no início da crónica de hoje.

Ninguém tem culpa de em Julho, ter considerado o projecto “excelente” e hoje achar exactamente o seu contrário (ou pelo menos parecer que acha).

Não é tempo nem há horas disponíveis para mais hesitações!

Agora ou nunca deve ser o lema. “Já!”, a decisão.

 

Mais Artigos

Hernâni Bettencourt Até sempre, Senhora Deputada Zuraida Soares!



Lara Martinho VIAGEM DE ESTADO À ÍNDIA



José Miguel Toste Um congresso side-by-side



João Vasco Costa Congresso(s)



Sónia Nicolau Decisões e vitórias



José Contente In memoriam



Sónia Nicolau O tempo...



Francisco Coelho Influência



<< < > >>

Arquivo Histórico do PS/Açores
PSA TV - Canal YouTube Ps/Açores

 
HomeNotícias | Media Center | Agenda | OpiniãoPartido | Presidente | Grupo Parlamentar ALRAA | Deputados AR | Deputados PE | Documentos | Links | Contactos
 
Sede Regional - Bairro da Vitória - Rua Dr. Armando Narciso, nº 5 – S. José - 9500-185 Ponta Delgada
Partido Socialista Açores © Todos os Direitos Reservados