Página Principal Presidente Presidente Honorário Partido Media Center Contactos Siga-nos!
 

Notícias PS/Açores

Vasco Cordeiro desafia partidos a debater Reforma do Poder Local


Vasco Cordeiro lembra que proposta sobre gestão do Mar mereceu unanimidade no Parlamento dos Açores


Governo assume compromisso de tudo fazer para que a SATA sirva cada vez melhor os Açores e os Açorianos, afirma Vasco Cordeiro


Proposta do Bloco de Esquerda “é um enorme retrocesso” para a construção da nova cadeia de São Miguel


Artigos de Opinião

Francisco Coelho Francisco Coelho
"Acordos"
2020-01-19
Lara Martinho Lara Martinho
"OS DEBATES E AS REIVINDICAÇÕES AÇORIANAS"
2020-01-19
Sónia Nicolau Sónia Nicolau
"Normalidade com o porto das Flores destruído?"
2020-01-17
José Contente José Contente
"Demo ou dema?"
2020-01-15
Mário Tomé Mário Tomé
"Plano para 2020 reflete confiança que vive a Economia do Pico"
2020-01-15
Emanuel Furtado Emanuel Furtado
"Política e afins – O abastecimento às Flores"
2020-01-15
Francisco Coelho Francisco Coelho
"Povo…"
2020-01-12
ESTÁ AQUI:Media Center»Opinião
Mariana Matos

Opinião

"Apenas e só cumprir os Açores"

Mariana Matos
2010-09-28

 

A Autonomia não é um exclusivo genético de nenhuma força política nos Açores. Apesar disso há sempre, aqui e ali, visões distintas sobre a evolução do regime autonómico, bem como do seu desenvolvimento. Essas visões, quando concretas e não expostas como qualquer “síndrome de pater familias”, são sempre bem-vindas.

A Autonomia não é uma obra acabada. É por isso importante que as forças políticas açorianas falem a uma só voz numa matéria que é fundamental para a vida quotidiana regional.

Ora, independentemente do combate político normal e saudável em democracia, exige-se dos responsáveis políticos açorianos que coloquem o interesse dos Açores acima de qualquer desígnio partidário. Isto significa que a Autonomia dos Açores, enquadrada agora na discussão da Revisão Constitucional, não pode ser terreno fértil para uma contínua política de antagonismos e rivalidades.

Há matérias essenciais que não podem servir de pano de fundo para a luta partidária. Esta, seguramente, é uma delas. É fundamental que os partidos políticos – especialmente aqueles com maior representatividade e responsabilidade -, sejam capazes de entender-se quanto ao modelo funcional do regime autonómico.

Ninguém pode demitir-se deste debate ou, pior, fazer birra e fazer o jogo dos que, a nível nacional, querem aproveitar a Revisão da Constituição para manter resquícios de uma visão do Estado que, quer a história quer o exemplo da Autonomia, contrariam e desmentem.

É pois fundamental que, em nome dos Açores, os partidos políticos saibam responder com serenidade e sentido de Estado ao apelo já deixado pelo Presidente do PS/Açores para que, acerca da Revisão Constitucional, os Açores tenham uma posição sólida e unida.

Com mais de três décadas de regime autonómico, espera-se que todos saibam estar à altura de, com maturidade política, perceber o alcance do apelo deixado.

Não servem, por isso, os argumentos de diálogo condicional. Também não vale a pena, numa questão tão essencial, puxar de argumentos de mera infantilização política sobre quem toma primeiro a iniciativa de dialogar. E, por último, mas por isso não menos importante, que não se confundam planos nem se isole do debate os restantes partidos.

É tempo de unir e não partir. É importante que a líder do PSD/Açores perceba que optar pelo mimetismo político nacional (copiando as “arrelias” de Passos Coelho) não serve nem os Açores nem o tal código genético de que se fala no início da crónica de hoje.

Ninguém tem culpa de em Julho, ter considerado o projecto “excelente” e hoje achar exactamente o seu contrário (ou pelo menos parecer que acha).

Não é tempo nem há horas disponíveis para mais hesitações!

Agora ou nunca deve ser o lema. “Já!”, a decisão.

 

Mais Artigos

Francisco Coelho Acordos



Lara Martinho OS DEBATES E AS REIVINDICAÇÕES AÇORIANAS



Sónia Nicolau Normalidade com o porto das Flores destruído?



José Contente Demo ou dema?



Mário Tomé Plano para 2020 reflete confiança que vive a Economia do Pico



Emanuel Furtado Política e afins – O abastecimento às Flores



Francisco Coelho Povo…



Lara Martinho Novo ano, novo Orçamento



> >>

Arquivo Histórico do PS/Açores
PSA TV - Canal YouTube Ps/Açores

 
HomeNotícias | Media Center | Agenda | OpiniãoPartido | Presidente | Grupo Parlamentar ALRAA | Deputados AR | Deputados PE | Documentos | Links | Contactos
 
Sede Regional - Bairro da Vitória - Rua Dr. Armando Narciso, nº 5 – S. José - 9500-185 Ponta Delgada
Partido Socialista Açores © Todos os Direitos Reservados