Página Principal Presidente Presidente Honorário Partido Media Center Contactos Siga-nos!
 

Notícias PS/Açores

Governo dos Açores prepara alterações ao Regime Jurídico da Proteção Civil


Reconstrução do Lorenzo em plena “velocidade de cruzeiro” por toda a Região, afirma Vasco Cordeiro


Obra de 1,2 milhões de euros garante melhores condições de segurança e de trabalho no porto de pescas da Madalena, afirma Vasco Cordeiro


Serviço Regional de Saúde com reforço de 95 milhões de euros, anuncia Vasco Cordeiro


Artigos de Opinião

José San-Bento José San-Bento
"Presidente de Menos"
2020-07-06
Francisco Coelho Francisco Coelho
"Confiar"
2020-07-04
Lara Martinho Lara Martinho
"Orçamento do Estado Suplementar"
2020-07-04
Hernâni Bettencourt Hernâni Bettencourt
"Azores Parque: um inquérito que se impunha! "
2020-07-04
Sónia Nicolau Sónia Nicolau
"Nossa rica Ponta Delgada"
2020-07-04
José Contente José Contente
"O binómio saúde-economia terá de constituir a nossa nova moeda única europeia"
2020-07-03
Vítor Fraga Vítor Fraga
"Em defesa de Ponta Delgada"
2020-07-03
ESTÁ AQUI:Media Center»Opinião
José Ávila

Opinião

"Muita parra e pouca uva"

José Ávila
2012-03-29

 

Confesso que não estive particularmente atento ao que se passou no congresso do PSD, mas, inevitavelmente, acabei por ouvir algumas intervenções, pois as televisões, nestes momentos altos da vida dos partidos, trazem até às nossas salas tudo o que se passa nessas reuniões magnas, com direito a repetições devidamente acompanhadas pelos comentários dos especialistas na matéria.
Uma dessas intervenções foi a líder do PSD-Açores, porque ela é, no fundo, candidata à chefia do governo dos Açores e como tal é preciso perceber o que diz, o que pensa e o que pretende, muito embora, por vezes, seja difícil encontrar coerência entre o que diz e o que faz ou fez.
Mesmo os apoiantes do PSD-Açores deviam estar à espera de um momento de afirmação da estratégia política, para levar os Açores para frente. Esperava-se a definição clara de políticas a aplicar caso vença as próximas eleições, mas o que se ouviu foi mais do mesmo e nada de novo. Umas ideias aqui e outras ali, algumas redundâncias, mas sem uma linha condutora programática fiável, que fizesse acalmar as suas próprias hostes que já desesperam por posições mais concretas.
Percebemos, nessa intervenção, que a líder do PSD-Açores receia a dureza negocial do primeiro-ministro. Ouvimos a vontade de fazer descer as tarifas aéreas, só não soubemos ,como, nem ouvimos a justificação porque, quando foi Diretora Regional dos Transportes, presidente da SATA ou Secretária Regional das Finanças, as passagens aéreas eram, mesmo assim, mais caras do que agora, apesar do petróleo ser seis vezes mais barato. Definiu-se também como uma grande lutadora nas disputas eleitorais passadas e aí só me veio à memória as autárquicas de 2009, onde os resultados dos Açores, para a líder do PSD, resumiam-se a Ponta Delgada. O resto era com os outros, os derrotados.
Como se vê é muito pouco. Esperava-se, sinceramente, muito mais neste congresso da líder do PSD-Açores. Vamos ter de aguardar por uma próxima oportunidade.

 

Mais Artigos

José San-Bento Presidente de Menos



Francisco Coelho Confiar



Lara Martinho Orçamento do Estado Suplementar



Hernâni Bettencourt Azores Parque: um inquérito que se impunha!



Sónia Nicolau Nossa rica Ponta Delgada



José Contente O binómio saúde-economia terá de constituir a nossa nova moeda única europeia



Vítor Fraga Em defesa de Ponta Delgada



José Ávila A nova normalidade



> >>

Arquivo Histórico do PS/Açores
PSA TV - Canal YouTube Ps/Açores

 
HomeNotícias | Media Center | Agenda | OpiniãoPartido | Presidente | Grupo Parlamentar ALRAA | Deputados AR | Deputados PE | Documentos | Links | Contactos
 
Sede Regional - Bairro da Vitória - Rua Dr. Armando Narciso, nº 5 – S. José - 9500-185 Ponta Delgada
Partido Socialista Açores © Todos os Direitos Reservados