Página Principal Presidente Presidente Honorário Partido Media Center Contactos Siga-nos!
 

Notícias PS/Açores

Presidente do Governo recebeu Ministro do Mar


Centro Interpretativo da Agricultura dá a conhecer setor que afirma a Região no exterior, afirma Vasco Cordeiro


Presidente do Governo anuncia disponibilização de 75 habitações na Ribeira Grande e Vila Franca do Campo


Retoma da atividade do Serviço Regional de Saúde está no “bom caminho”, afirma Presidente do Governo


Artigos de Opinião

José San-Bento José San-Bento
"Vitória Histórica"
2020-08-03
Hernâni Bettencourt Hernâni Bettencourt
"Mar dos Açores"
2020-08-01
José Contente José Contente
"Mare Nostrum"
2020-07-29
Carlos Silva Carlos Silva
"SATA: sinais encorajadores "
2020-07-29
Sónia Nicolau Sónia Nicolau
"Autonomia que faça costume"
2020-07-29
José San-Bento José San-Bento
"Autonomia por Procuração"
2020-07-28
Mariana Matos Mariana Matos
"Contradições?"
2020-07-26
ESTÁ AQUI:Media Center»Opinião
Berto Messias

Opinião

"Desmentir Discursos com Factos"

Berto Messias
2012-01-17

 

“Pedro Passos Coelho é o primeiro-ministro que Portugal precisa e que os Açores merecem”. “O Programa do PSD é um compromisso do Estado com cada açoriano”. Estas frases foram proferidas, em Maio de 2011, pela Presidente do PSD/Açores, num jantar-comício em Ponta Delgada.
Passados pouco mais de seis meses da tomada de posse do Governo da República, será tempo de ver se a Presidente do PSD/Açores tinha razão naquilo que, convictamente, afirmou ou se, entretanto, os factos lhe desmentiram no dia-a-dia.
O Jornal de Notícias noticiava, em Abril de 2011, “É um disparate dizer que o PSD vai acabar com o subsídio de férias”, relatando o diálogo entre Passos Coelho e duas estudantes em Vila Franca de Xira. Pouco mais de dois meses depois, o Governo corta o subsídio de Natal e define que em 2012 e 2013 não haverá nem subsídio de Natal, nem subsídio de Férias. E nada disto decorre da Troika, é uma opção do Governo da República.
Em Maio de 2011, o Jornal de Notícias escrevia “Passos Coelho rejeita aumento de impostos”. Passada a campanha o Governo anuncia mais impostos e congelamento de salários.
Estes exemplos que aqui se recorda são os mais flagrantes que negam, sem margem para dúvidas, o que dizia, em Maio, a Presidente do PSD/Açores. Berta Cabral, na altura, garantia que Passos Coelho seria o “Primeiro-Ministro que os Açores merecem”. Peço desculpa, mas ninguém merece um corte de rendimento tão brutal, sufocando a sua vida até ao limite e ainda por cima sem que isso seja uma exigência da Troika.
Na sua intervenção, a Presidente do PSD/Açores assegurava ainda, alto e bom som, que “Passos Coelho conhece, compreende, apoia e defende os interesses dos Açores”. Peço imensa desculpa, mas o exemplo da RTP/Açores, que Lisboa quer reduzir à condição humilhante de janela desmente novamente a declaração da Presidente do PSD/Açores.
Nos próximos meses, mais factos vão continuar a desmentir as suas declarações.
O pior é que já percebemos que o PSD Açores estará sempre disponível para dizer Amen ao PSD Nacional. Lamentável para um partido que já teve um papel muito importante na defesa dos Açores.
Este PSD Açores tem PSD a mais e Açores a menos.

 

Mais Artigos

José San-Bento Vitória Histórica



Hernâni Bettencourt Mar dos Açores



José Contente Mare Nostrum



Carlos Silva SATA: sinais encorajadores



Sónia Nicolau Autonomia que faça costume



José San-Bento Autonomia por Procuração



Mariana Matos Contradições?



Francisco Coelho Gorbachev



> >>

Arquivo Histórico do PS/Açores
PSA TV - Canal YouTube Ps/Açores

 
HomeNotícias | Media Center | Agenda | OpiniãoPartido | Presidente | Grupo Parlamentar ALRAA | Deputados AR | Deputados PE | Documentos | Links | Contactos
 
Sede Regional - Bairro da Vitória - Rua Dr. Armando Narciso, nº 5 – S. José - 9500-185 Ponta Delgada
Partido Socialista Açores © Todos os Direitos Reservados