Página Principal Presidente Presidente Honorário Partido Media Center Contactos Siga-nos!
 

Notícias PS/Açores

Novo pacote de medidas de apoio ao Turismo apresentado nos próximos dias, anuncia Vasco Cordeiro


Agenda para o Relançamento Social e Económico propõe 250 medidas para “tornar os Açores melhor preparados para o futuro”, afirma Vasco Cordeiro


Presidente do Governo recebeu Ministro do Mar


Centro Interpretativo da Agricultura dá a conhecer setor que afirma a Região no exterior, afirma Vasco Cordeiro


Artigos de Opinião

José Contente José Contente
"E se?"
2020-08-07
João Castro João Castro
"Lei do Mar"
2020-08-06
José Contente José Contente
"Proximidade"
2020-08-05
Sónia Nicolau Sónia Nicolau
"Férias... Pandemia"
2020-08-05
José San-Bento José San-Bento
"Vitória Histórica"
2020-08-03
Hernâni Bettencourt Hernâni Bettencourt
"Mar dos Açores"
2020-08-01
José Contente José Contente
"Mare Nostrum"
2020-07-29
ESTÁ AQUI:Media Center»Opinião
Berto Messias

Opinião

"Viva a República"

Berto Messias
2011-10-11

 

Qualquer que seja o balanço que se faça de tão importante momento histórico, das suas circunstâncias e das suas vicissitudes, a implantação da República, em Portugal, constituiu uma mudança crucial na nossa história, presidida por valores de evolução e de progresso que norteiam e sempre nortearam a causa republicana. Não branqueamos os abusos e o sectarismo que existiram na implantação deste regime e nos anos seguintes que levaram, aliás, ao seu colapso e que nos empurraram para uma ditadura negra e sombria a partir de 1926. A irresponsabilidade, as divisões constantes e o fundamentalismo de alguns sectores republicanos originaram essa profunda subversão dos princípios republicanos só corrigida em Abril de 1974.Esses erros da altura devem servir de alerta e, adaptados à realidade dos nossos dias, devem servir como exemplo do que não pode ser feito. Os princípios que a República defende devem ser os pilares da nossa vivência em sociedade.
Comemorar a República é comemorar e exaltar esses princípios.
Os princípios e valores que este regime representa como a dignidade da pessoa humana, a soberania da vontade popular, a construção de uma sociedade livre, justa e solidária, sem discriminações, onde todos, independentemente do que fazem, do que acreditam e de onde nasceram são vistos como iguais perante o Estado.
Os princípios que nortearam a revolução republicana de 1910 devem continuar a ser pilares da nossa vivência colectiva e devem ser reforçados e devidamente implementados, em nome do bem comum e dos interesses de todos.
Sucessivas divisões de fundo e profundas crises económicas e sociais originaram convulsões que levaram a mudanças de regime, nalguns caso vistas como a cura para todos os males, mas que se vieram a revelar nefastas mais tarde.
Para que não corramos esse risco, é preciso que todos se concentrem em fazer a República, em aprofundar e reforçar os princípios que este regime defende e que, nos momentos mais difíceis, tenhamos a capacidade de por em primeiro lugar o bem comum e construir consensos em torno desse desígnio.
Os tempos difíceis que vivemos exigem muito dos políticos, mas essa tarefa não deve estar circunscrita apenas aos agentes do sistema político. É obrigação de todos.

 

Mais Artigos

José Contente E se?



João Castro Lei do Mar



José Contente Proximidade



Sónia Nicolau Férias... Pandemia



José San-Bento Vitória Histórica



Hernâni Bettencourt Mar dos Açores



José Contente Mare Nostrum



Carlos Silva SATA: sinais encorajadores



> >>

Arquivo Histórico do PS/Açores
PSA TV - Canal YouTube Ps/Açores

 
HomeNotícias | Media Center | Agenda | OpiniãoPartido | Presidente | Grupo Parlamentar ALRAA | Deputados AR | Deputados PE | Documentos | Links | Contactos
 
Sede Regional - Bairro da Vitória - Rua Dr. Armando Narciso, nº 5 – S. José - 9500-185 Ponta Delgada
Partido Socialista Açores © Todos os Direitos Reservados