Página Principal Presidente Presidente Honorário Partido Media Center Contatos Siga-nos!
 

Notícias PS/Açores

Vasco Cordeiro apresenta balanço dos prejuízos do furacão Lorenzo e anuncia medidas de apoio já aprovadas


Vasco Cordeiro preside à Assembleia-Geral da CRPM com fundos comunitários e coesão na agenda


PS garante que os Açorianos passam a ter liberdade para escolher entre usar gás ou outras fontes de energia


Adesão dos Açorianos faz do Orçamento Participativo uma “história de sucesso”, afirma Vasco Cordeiro


Artigos de Opinião

Francisco Coelho Francisco Coelho
"Rescaldo"
2019-10-12
José Miguel Toste José Miguel Toste
"Dire(i)to à política: Auspícios, factos e alguma animação"
2019-10-12
Hernâni Bettencourt Hernâni Bettencourt
"Os eleitores gostam mesmo da “geringonça”?"
2019-10-11
Sónia Nicolau Sónia Nicolau
"A abstenção espelha uma crise de participação cívica"
2019-10-10
Hernâni Bettencourt Hernâni Bettencourt
"Missão geral: reerguer, recuperar e reconstruir!"
2019-10-07
Francisco Coelho Francisco Coelho
"Beijos…"
2019-10-05
Tiago Branco Tiago Branco
"Que diferença!"
2019-10-04
ESTÁ AQUI:Media Center»Opinião
Francisco Coelho

Opinião

"Escolhas"

Francisco Coelho
2019-09-14

 

O país conhecerá proximamente os resultados de duas eleições: as legislativas regionais da Madeira e as legislativas nacionais, cuja composição determinará o próximo Governo da República.
Na Madeira, e a fazer fé nas sondagens, o ambiente político está em ponto de rebuçado, prevendo-se uma grande aproximação de votos entre o PSD e o PS, que apresenta como candidato a Presidente do Governo o independente Paulo Cafofo. O imobilismo e o esgotamento do PSD local, que levou o Representante da República, em entrevista recente, a apelar para a revisão do EPARAM, cuja adequação à revisão constitucional de 2004 ainda não foi feita – é um fato significativo e indesmentível!
Por outro lado, é inegável o balanço positivo que em termos de política económica e social a generalidade dos portugueses faz do Governo de António Costa, que devolveu rendimentos, mas sobretudo esperança aos cidadãos. Ao invés, e como constatou a voz autorizada do Presidente Marcelo, a direita, depois da sua assumida deriva austeritária, perdeu legitimidade, rumo e unidade e mostra-se incapaz de se apresentar como alternativa credível, quer em termos de projeto quer em termos de protagonistas.
Os açorianos, para além de terem beneficiado dum conjunto de políticas de devolução de rendimentos e do reforço de velhos e novos apoios sociais, constataram um relacionamento institucional cooperante entre a República e a Região, tendo um conjunto de medidas da responsabilidade de Lisboa para com os Açores sido tomadas, resolvidas ou conhecido o seu início efetivo, quando muitas delas já se arrastavam há anos.
Há pois bons motivos para prosseguir neste rumo, sem prejuízo do seu acompanhamento sempre, e do reforço da sua intensidade, quando for o caso.

 

Mais Artigos

Francisco Coelho Rescaldo



José Miguel Toste Dire(i)to à política: Auspícios, factos e alguma animação



Hernâni Bettencourt Os eleitores gostam mesmo da “geringonça”?



Sónia Nicolau A abstenção espelha uma crise de participação cívica



Hernâni Bettencourt Missão geral: reerguer, recuperar e reconstruir!



Francisco Coelho Beijos…



Tiago Branco Que diferença!



Sónia Nicolau Um dia destes queremos votar e dizem-nos que não



> >>

Arquivo Histórico do PS/Açores
PSA TV - Canal YouTube Ps/Açores

 
HomeNotícias | Media Center | Agenda | OpiniãoPartido | Presidente | Grupo Parlamentar ALRAA | Deputados AR | Deputados PE | Documentos | Links | Contactos
 
Sede Regional - Bairro da Vitória - Rua Dr. Armando Narciso, nº 5 – S. José - 9500-185 Ponta Delgada
Partido Socialista Açores © Todos os Direitos Reservados