Página Principal Presidente Presidente Honorário Partido Media Center Contatos Siga-nos!
 

Notícias PS/Açores

Ciclo de investimentos em matadouros reforça condições do setor da carne para criar valor, garante Vasco Cordeiro


Governo solicita audição em Comissão Parlamentar sobre operação de transporte marítimo


Presidente do Governo avança com proposta de criação do Conselho de Concertação com as Autonomias Regionais


Lara Martinho faz balanço positivo de trabalho desenvolvido em prol dos Açores


Artigos de Opinião

José Ávila José Ávila
"Combate à abstenção: a urgência do debate!"
2019-06-18
Hernâni Bettencourt Hernâni Bettencourt
"10 de Junho: cá e lá"
2019-06-15
Lara Martinho Lara Martinho
"VISITAS ÀS FLORES E SÃO JORGE"
2019-06-15
Francisco Coelho Francisco Coelho
"O inédito viável"
2019-06-15
José Contente José Contente
"Autono(mia)"
2019-06-12
Hernâni Bettencourt Hernâni Bettencourt
"Oposição, precisa-se!"
2019-06-08
Lara Martinho Lara Martinho
"UMA 2ª OPORTUNIDADE PARA OS EMPRESÁRIOS"
2019-06-08
ESTÁ AQUI:Media Center»Opinião
Hernâni Bettencourt

Opinião

"Oposição, precisa-se!"

Hernâni Bettencourt
2019-06-08

 

Francisco Sá Carneiro escreveu que “a oposição é, para o poder em exercício, estímulo e, para o interesse comum, factor de progresso.” O papel desenvolvido pela oposição é, por isso, fundamental para qualquer democracia. Esta verdade devia ser uma máxima de todos os partidos políticos que se enquadram na oposição ao partido no poder. Acontece que nos Açores assistimos, diariamente, a exemplos que pouco dignificam a oposição. Ou melhor, grande parte da oposição. Reconheça-se a tentativa do CDS-PP de, na maioria das vezes, estar do lado certo. Do lado dos Açorianos. Com ideias, com propostas, com soluções. Sem descurar a crítica e a fiscalização ao executivo. No fundo, atuando com a proatividade que se exige a quem foi eleito para representar e defender os legítimos interesses do Povo. Mas a exceção não faz a regra. A semana que agora termina trouxe-nos, através do decurso de mais uma sessão plenária, mais alguns capítulos do desempenho, por vezes, inenarrável e, sempre, ziguezagueante da maioria da oposição.
O PSD é o grande exemplo do que aqui referimos. Marca presença fisicamente na Horta, mas na realidade está politicamente quase sempre ausente. Faz diagnósticos e não apresenta alternativas. Desta vez foi o âmbito do combate às toxicodependências. Critica a demora na realização de um estudo (a cargo da Universidade dos Açores) e, ao mesmo tempo, diz que as soluções terão que ser tomadas após análise do estudo. Critica o processo e a forma como será feita a recuperação do tempo de serviço dos professores; não apresenta qualquer proposta de alteração e… vota a favor. Diz-se a favor do princípio da autonomia e flexibilidade curricular ínsito numa proposta do Governo e vota contra o diploma. Elogia os números do investimento privado e critica os programas de incentivos existentes. É, pois, gritante e assustadora a sua falta de coerência, de ideias, de propostas, de soluções e de rumo!
O BE está numa missão impossível: provar que dois comandantes traçam rumo. E ainda por cima quando a última comandante se chamava Zuraida Soares.
O PCP está resumido à leitura dos papéis do Deputado João Corvelo.
O PPM tenta, reconheça-se, por demérito de outro, ocupar um espaço demasiado grande para a dimensão do partido, mas a gritaria e excentricidades colocadas habitualmente em cada debate não ajudam a conseguir o almejado e inatingível papel de ator principal.
A oposição, tal como dizia um anúncio a uma conhecida marca de carros, veio para ficar. No caso de acharem que estamos a exagerar ou a ser demasiado parciais, lanço um desafio: convido-vos a assistir, através do Plenário online, a um qualquer debate parlamentar. Aí terão oportunidade de tirar as vossas próprias conclusões. Façam, como aparecia num outro anúncio famoso, o vosso teste do algodão.

 

Mais Artigos

José Ávila Combate à abstenção: a urgência do debate!



Hernâni Bettencourt 10 de Junho: cá e lá



Lara Martinho VISITAS ÀS FLORES E SÃO JORGE



Francisco Coelho O inédito viável



José Contente Autono(mia)



Hernâni Bettencourt Oposição, precisa-se!



Lara Martinho UMA 2ª OPORTUNIDADE PARA OS EMPRESÁRIOS



Francisco Coelho Fado Tropical



> >>

Arquivo Histórico do PS/Açores
PSA TV - Canal YouTube Ps/Açores

 
HomeNotícias | Media Center | Agenda | OpiniãoPartido | Presidente | Grupo Parlamentar ALRAA | Deputados AR | Deputados PE | Documentos | Links | Contactos
 
Sede Regional - Bairro da Vitória - Rua Dr. Armando Narciso, nº 5 – S. José - 9500-185 Ponta Delgada
Partido Socialista Açores © Todos os Direitos Reservados