Página Principal Presidente Presidente Honorário Partido Media Center Contatos Siga-nos!
 

Notícias PS/Açores

Presidente do Governo anuncia conclusão da certificação para a qualidade alimentar dos matadouros dos Açores


Vasco Cordeiro assinala Dia da Floresta com visita a atividades de sensibilização ambiental


Região deve aproveitar o potencial da Agência Espacial Portuguesa para a criação de emprego qualificado, afirma Vasco Cordeiro


Câmara da Ribeira Grande não devolve impostos à população do concelho


Artigos de Opinião

José Contente José Contente
"Paroquiais"
2019-03-20
Sónia Nicolau Sónia Nicolau
"Primeiro a chico-espertice, depois a desconsideração"
2019-03-20
Mónica Rocha Mónica Rocha
"CERTIFICAÇÃO E FLUXOS TURÍSTICOS"
2019-03-20
Hernâni Bettencourt Hernâni Bettencourt
"Um futebólogo no meio de politólogos"
2019-03-18
André Bradford André Bradford
"Dar Força aos Açores na Europa"
2019-03-18
Lara Martinho Lara Martinho
"ANGOLA, UMA TERRA DE OPORTUNIDADES"
2019-03-17
Fátima Ferreira Fátima Ferreira
"CARNAVAL DE EMOÇÕES"
2019-03-17
ESTÁ AQUI:Media Center»Opinião
Lara Martinho

Opinião

"ROTEIRO PARA A DESCARBONIZAÇÃO 2050"

Lara Martinho
2019-01-26

 

1-PORTUGAL NEUTRO EM CARBONO ATÉ 2050 - o Governo definiuum estruturante desafio para Portugal: ser neutro em carbono até 2050. Este compromisso assumido, há 2 anos, pelo Primeiro-Ministro na Conferência das Nações Unidas para as Alterações Climatéricas colocou o nosso país no pelotão da frente deste desígnio, assumindo a liderança no combate às alterações climáticas. Garantir a neutralidade significa a alteração nos hábitos dos portugueses. Mas não podemos ter ilusões, atingir a meta da neutralidade carbónica, que é crucial para a sobrevivência do nosso planeta, exige um contributo de todos os sectores e de todos nós. E se as medidas, as soluções para atingir a neutralidade são flexíveis, a meta em si não o pode ser! A grande discussão esta semana esteve focada em como podemos conciliar a agricultura, uma atividade económica tão importante para nós, com a neutralidade carbónica?São várias as possíveis soluções, e não passam necessariamente pela redução de bovino, passam sim pela alteração da dieta da população, pela redução das importações, pela melhoria da produtividade, da genética, do maneio, entre muitas outras. E é este trabalho que é essencial, encontrar as soluções que mais se adequam à realidade da nossa agricultura, para atingir as metas que são imprescindíveis. O Ministro do Ambiente,na audição que decorreu esta semana,tranquilizou os presentes salientando que "a singularidade das ilhas é obviamente contemplada neste roteiro e a evolução do efetivo de bovinos não leiteiros cresce nos Açores e nos bovinos leiteiros a redução que tem é em linha com os últimos anos." Convém ainda recordar que o Governo dos Açores já afirmou que irá definir as medidas a aplicar na Região tendo em conta as nossas singularidades.

2 -RADARES METEOROLÓGICOS -esta semana realizou-se uma nova audição com a Ministra do Mar e foi o momento de fazer um balanço e questionar o ponto de situação de alguns projetos, nomeadamente do concurso internacional para a instalação do radar meteorológico de Santa Bárbaraque foi lançado no segundo semestre de 2018. Como já referi, por diversas vezes, este radar é importante para assegurar e reforçar a vigilância das condições meteorológicas e a salvaguarda de pessoas e bens nos Açores.A Ministra revelou que o concorrente que ficou em segundo lugar no concurso lançado pelo IPMA - Instituto Português do Mar e da Atmosfera apresentou um recurso e, neste momento, está em fase de resposta. Assim que este processo estiver resolvido, será enviado para a fiscalização prévia do Tribunal de Contas.Sobre o radar da ilha de São Miguel, Ana Paula Vitorinoafirmou que já foi escolhida a localização e está em curso um estudo de compatibilização dos diferentes operadores para que não existam défices de cobertura.


3 -UNIVERSIDADE DOS AÇORES- temos vindo a acompanhar com particular preocupação a situação da Universidade dos Açores (UA) no que concerne ao seu financiamento. Ninguém questiona o papel que esta instituição tem no desenvolvimento económico, social e cultural da nossa Região. A sua tripolaridade é uma importante característica que permitiu levar a mais ilhas o conhecimento, o pensamento crítico e a formação de cidadãos, profissionais e líderes. Garantir que a Universidade tem os meios para continuar a desempenhar este papel é crucial. Esta semana reforcei esta preocupação junto do Ministro da Ciência Tecnologia e Ensino Superior e solicitei que fizesse um ponto de situação sobre a problemática de financiamento da Universidade dos Açores. Recordei que a realidade é que a UA, pela sua condição ultraperiférica e insular, tem custos acrescidos que são inquestionáveis e por isso mesmo introduzimos no Orçamento do Estado a promoção, por parte do Governo, dos estudos para a majoração do financiamento das universidades insulares, visando compensar os sobrecustos da insularidade e da ultraperiferia. Manuel Heitor assegurou que a dotação para a UA cresceu 9%, sensivelmente semelhante à média das dotações de todas as instituições e confirmou que o grupo de monitorização tem seguido a instituição "de uma forma clara". O governante afirmou ainda que, neste momento,aguarda que o reitor conclua os dois processos que estão em curso do lado da reitoria, nomeadamente o apoio ao emprego científico e a identificação nominal das situações de valorizações remuneratórias.

 

Mais Artigos

José Contente Paroquiais



Sónia Nicolau Primeiro a chico-espertice, depois a desconsideração



Mónica Rocha CERTIFICAÇÃO E FLUXOS TURÍSTICOS



Hernâni Bettencourt Um futebólogo no meio de politólogos



André Bradford Dar Força aos Açores na Europa



Lara Martinho ANGOLA, UMA TERRA DE OPORTUNIDADES



Fátima Ferreira CARNAVAL DE EMOÇÕES



Francisco Coelho Ribeira/Rio



> >>

Arquivo Histórico do PS/Açores
PSA TV - Canal YouTube Ps/Açores

 
HomeNotícias | Media Center | Agenda | OpiniãoPartido | Presidente | Grupo Parlamentar ALRAA | Deputados AR | Deputados PE | Documentos | Links | Contactos
 
Sede Regional - Bairro da Vitória - Rua Dr. Armando Narciso, nº 5 – S. José - 9500-185 Ponta Delgada
Partido Socialista Açores © Todos os Direitos Reservados