Página Principal Presidente Presidente Honorário Partido Media Center Contatos Siga-nos!
 

Notícias PS/Açores

“Autonomia é uma das grandes histórias de sucesso do Portugal democrático”, garante Vasco Cordeiro


Parcerias são a trave-mestra do apoio social prestado aos Açorianos, afirma Vasco Cordeiro


Vasco Cordeiro anuncia cursos de formação no setor turístico em todas as ilhas


PS congratula-se com aprovação de iniciativa sobre a ampliação do aeroporto da Horta


Artigos de Opinião

Lara Martinho Lara Martinho
"QUAL O ESTADO DA NAÇÃO?"
2018-07-14
José Contente José Contente
"Educação parental chegou a 2500 pessoas"
2018-07-18
Ricardo Serrão Santos Ricardo Serrão Santos
"POSEI: Phill Hogan, “um passito para trás”"
2018-07-14
Sónia Nicolau Sónia Nicolau
"Negociação não é rendição"
2018-07-11
Lara Martinho Lara Martinho
"DESCONTAMINAÇÃO, UM CAMINHO RECONHECIDO PELA OPOSIÇÃO"
2018-07-07
José Contente José Contente
"Pathos, ethos e logos"
2018-07-06
Sónia Nicolau Sónia Nicolau
"Zonas Balneares: entre os 0% e os 100%"
2018-07-03
ESTÁ AQUI:Media Center»Opinião
Sónia Nicolau

Opinião

"O tempo (nem sempre) é o da política"

Sónia Nicolau
2018-06-27

 

Decorria o mês de outubro e rumores do encerramento do IMAR tomavam forma. Bastou dois meses para a culpabilização do Governo na matéria: o Programa Nacional de Recolha de Dados(PNRD) seria descontinuado pelo IMAR , uma vez que o Governo Regional não estava disponível para realizar protocolo para a sua continuação. Consequência imediata? Despedimento dos técnicos e investigadores. Consequência no pós imediato? A recolha dos dados como elemento biológico importantíssimo para a política do mar a nível regional e nacional, com impacto europeu, não seria assegurada.
O fundamental da “história” conta-se em poucas palavras: quem financiava o PNRD? O financiamento era de 100% por um fundo europeu, sem responsabilidade do Governo regional; qual era a única entidade elegível, até 31 de dezembro de 2017, para a recolha de dados biológicos? Era o IMAR; e a recolha de dados no ano de 2018? Foi uma opção do IMAR não se candidatar ao programa, o que levou o Governo Regional a procurar alternativas para garantir a recolha desses mesmos dados, evitando a penalização de Portugal.
Passados sete meses, e após audições de responsáveis na matéria, ficou claro que a descontinuação da realização do PNRD foi uma opção de gestão do IMAR; o despedimento de técnicos foi uma opção de gestão do IMAR; e a não candidatura para o próximo ciclo do PNRD, foi uma opção de gestão do IMAR.
O tempo dos esclarecimentos e das responsabilidades nem sempre é o da política. Curiosamente já não se fala do IMAR ou (do mais importante) o património da investigação na área do mar realizada pelo IMAR - associação privada onde a Universidade dos Açores é associada - e para o futuro que organismo terá essa responsabilidade? - o Okeanos, centro da Universidade dos Açores, aguarda acreditação. O património científico é algo a não descurar.
Parece já não interessar aos partidos da oposição o desemprego de técnicos, porque afinal os investigadores são quadros da Universidade dos Açores ou o PNRD. O pior da política é a sua efemeridade e o oportunismo sobre esta. O tempo dos factos e da boa decisão nem sempre é o da política. Exige paciência, mas, a bem da verdade e da justiça , parece de pouco interessar.

Propostas em tempos de conflitos e greves

Há duas propostas políticas para a contabilização do tempo de serviço entre 1 de janeiro de 2011 e 31 de dezembro de 2017. São propostas oportunistas. E os professores , como uma das classes com poder de reflexão e conhecimento, sabem-no.
Proposta que é proposta com o objetivo para resolver situações não aparece à boleia de conflitos e greves.
Aos professores poderá ser indiferente, desde que resolva a sua situação. A uma sociedade pensante, não. As propostas são fruto de análise estrutural.

 

Mais Artigos

Lara Martinho QUAL O ESTADO DA NAÇÃO?



José Contente Educação parental chegou a 2500 pessoas



Ricardo Serrão Santos POSEI: Phill Hogan, “um passito para trás”



Sónia Nicolau Negociação não é rendição



Lara Martinho DESCONTAMINAÇÃO, UM CAMINHO RECONHECIDO PELA OPOSIÇÃO



José Contente Pathos, ethos e logos



Sónia Nicolau Zonas Balneares: entre os 0% e os 100%



Lara Martinho O Poder da nossa comunidade nos EUA



> >>

Arquivo Histórico do PS/Açores
PSA TV - Canal YouTube Ps/Açores

 
HomeNotícias | Media Center | Agenda | OpiniãoPartido | Presidente | Grupo Parlamentar ALRAA | Deputados AR | Deputados PE | Documentos | Links | Contactos
 
Sede Regional - Bairro da Vitória - Rua Dr. Armando Narciso, nº 5 – S. José - 9500-185 Ponta Delgada
Partido Socialista Açores © Todos os Direitos Reservados