Página Principal Presidente Presidente Honorário Partido Media Center Contatos Siga-nos!
 

Notícias PS/Açores

Centro de Atividades de Tempos Livres da Malbusca é exemplo da Autonomia ao serviço dos Açorianos, afirma Presidente do Governo


Certificação para aviação civil reforça importância das Lajes para o desenvolvimento da Terceira e dos Açores, afirma Vasco Cordeiro


“Autonomia é uma das grandes histórias de sucesso do Portugal democrático”, garante Vasco Cordeiro


PS/Ribeira Grande preocupado com desnorte do executivo camarário que está a prejudicar os investimentos no Concelho


Artigos de Opinião

Sónia Nicolau Sónia Nicolau
"É o bem-estar do idoso que importa. Nada mais."
2018-08-01
José Contente José Contente
"Ruído?"
2018-08-01
Lara Martinho Lara Martinho
"3ª SESSÃO LEGISLATIVA, O QUE ALCANÇÁMOS?"
2018-07-30
Sónia Nicolau Sónia Nicolau
"O Direito à Educação"
2018-07-25
Lara Martinho Lara Martinho
"As Lajes, a NATO e claro as iniciativas que podem beneficiar os Açores"
2018-07-23
Dionísio Faria e Maia Dionísio Faria e Maia
"Novas regras"
2018-07-20
Lara Martinho Lara Martinho
"QUAL O ESTADO DA NAÇÃO?"
2018-07-14
ESTÁ AQUI:Media Center»Opinião
Sónia Nicolau

Opinião

"Hoje há transparência. No passado houve o vazio."

Sónia Nicolau
2018-01-31

 

Não sendo o passado justificativo, ele dá bem nota das significativas alterações na relação governo - cidadão e governo – partidos políticos nos Açores. A transparência e a prestação de informação que hoje existe , em tempos ocupava-se com o vazio.
Os que hoje se assumem como paladinos da transparência ou da prestação da informação, foram em tempos muitos daqueles, direta ou indiretamente, que negaram essa mesma transparência e prestação da informação para com os Açorianos.
A governação pública antes de 1996 é de muitos recordada: sem concursos públicos para a função pública; inexistência de publicitação de relatórios; nomeações para as empresas regionais sem uma palavra por parte da Assembleia Legislativa Regional e com tantas outras difíceis formas de obtenção de informação e onde a transparência e prestação de informação eram palavras(e ações) non gratae – os diários das sessões na Assembleia Legislativa dão bem nota do vazio da transparência e da prestação da informação.
Transparência e prestação de informação: mais de 90% dos requerimentos ao Governo Regional estão respondidos ; os indigitados a presidentes dos conselhos de administração são ouvidos em sede da Assembleia Legislativa Regional; os relatórios estatísticos nas áreas do emprego, saúde, educação, solidariedade social estão disponíveis, assim como os relatórios sobre a aquisição de publicidade por parte de entidades públicas; o serviço de estatística apresenta mais informação; há acessibilidade ao Jornal Oficial e os relatórios de auditorias aos serviços públicos serão enviados à Assembleia Legislativa Regional – por iniciativa do Governo Regional.
Pode-se, no desígnio de uma sociedade progressista querer mais. Legítimo. Mas o que não é legítimo é o de referir, tantas vezes para que se acredite, que não há transparência e disponibilização de informação.
Numa relação de transparência e do prestar contas o Governo Socialista deve continuar a inovar procedimentos e continuar a estar sempre disponível para a prestação de informação, configurando aquela que é a sua marca e que mudou a região a partir de 1996: transparência na governação.
Nestes últimos 21 anos os Açorianos sabem avaliar a transformação civilizacional que assolou os Açores no que à transparência e prestação de informação públicas diz respeito.
O conceito de transparência e dever de informação é recente na sociedade açoriana, porque onde hoje há transparência e prestação de informação, no passado existia o vazio. Hoje aqueles que exigem, e bem, a transparência e prestação de informação, sabem o sabor das mesmas e, curiosamente, “devem-no” a um Governo Socialista.

 

Mais Artigos

Sónia Nicolau É o bem-estar do idoso que importa. Nada mais.



José Contente Ruído?



Lara Martinho 3ª SESSÃO LEGISLATIVA, O QUE ALCANÇÁMOS?



Sónia Nicolau O Direito à Educação



Lara Martinho As Lajes, a NATO e claro as iniciativas que podem beneficiar os Açores



Dionísio Faria e Maia Novas regras



Lara Martinho QUAL O ESTADO DA NAÇÃO?



José Contente Educação parental chegou a 2500 pessoas



> >>

Arquivo Histórico do PS/Açores
PSA TV - Canal YouTube Ps/Açores

 
HomeNotícias | Media Center | Agenda | OpiniãoPartido | Presidente | Grupo Parlamentar ALRAA | Deputados AR | Deputados PE | Documentos | Links | Contactos
 
Sede Regional - Bairro da Vitória - Rua Dr. Armando Narciso, nº 5 – S. José - 9500-185 Ponta Delgada
Partido Socialista Açores © Todos os Direitos Reservados