Página Principal Presidente Presidente Honorário Partido Media Center Contactos Siga-nos!
 

Notícias PS/Açores

PS/Açores designa Vasco Cordeiro como candidato a Presidente do Governo e aprova listas com renovação de 70%


Novo quartel garante “perspetiva de futuro” ao trabalho dos Bombeiros do Faial, afirma Vasco Cordeiro


Governo dos Açores prepara alterações ao Regime Jurídico da Proteção Civil


Reconstrução do Lorenzo em plena “velocidade de cruzeiro” por toda a Região, afirma Vasco Cordeiro


Artigos de Opinião

Vílson Ponte Gomes Vílson Ponte Gomes
"Trajeto a seguir"
2020-07-12
Mariana Matos Mariana Matos
"Sinais"
2020-07-12
Hernâni Bettencourt Hernâni Bettencourt
"Um orçamento suplementar que diz presente!"
2020-07-12
Lara Martinho Lara Martinho
"A Aposta no Atlântico"
2020-07-12
José Contente José Contente
"Traços nos tês"
2020-07-08
Sónia Nicolau Sónia Nicolau
"A revisão orçamental para responder às pessoas"
2020-07-08
José San-Bento José San-Bento
"Presidente de Menos"
2020-07-06
  Homepage Homepage Homepage Homepage

« NOTÍCIA ANTERIOR
Plano e Orçamento para 2020 consolidam apoios na áre...

PRÓXIMA NOTÍCIA »
Vasco Cordeiro anuncia aumentos de apoios sociais, f...

Plano e Orçamento para 2020 dá continuidade ao trajeto positivo que os Açorianos estão a fazer

PS Açores - Plano e Orçamento para 2020 dá continuidade ao trajeto positivo que os Açorianos estão a fazer

No encerramento do debate sobre o Plano e Orçamento para 2020, Francisco César, Presidente do Grupo Parlamentar do PS/Açores realçou os resultados positivos que se têm alcançado na Região, destacou os desafios que se colocam no futuro e reiterou a importância de todos os partidos contribuírem para melhorar a vida dos Açorianos.


Francisco César fez questão de realçar “o empenho que governo, empresas, instituições da sociedade civil e famílias, dedicaram à resolução dos problemas da nossa terra nos últimos anos” e que, agora, permite apresentar um Plano e Orçamento inovador e ambicioso.


“Empenhámo-nos, e muito fizemos, na proteção das famílias, das pessoas e das ilhas com maiores dificuldades. É isso que importa prosseguir. Empenhámo-nos em gerar confiança nos cidadãos, nos criadores de emprego e nos investidores regionais e externos. É nessa via que continuaremos a ganhar robustez e sustentabilidade”, adiantou o líder da bancada socialista.


Hoje, acrescentou, os resultados estão à vista: “Dispomos da melhor e mais abrangente Rede de Proteção Social do país, constituída por inúmeros apoios ao rendimento, mais de 250 infraestruturas dedicadas a esta área e providenciando mais de 700 valências. Hoje, nos Açores, a taxa de mortalidade infantil é quase metade do valor de 2012, o número de cirurgias praticadas no SRS é superior a 25.000 por ano, o maior valor de sempre”


Hoje, prosseguiu, “nos Açores, a taxa de pré-escolarização até aos 5 anos é de 93,1%, o acesso à internet 86,5%.  Todos estes valores são superiores à média nacional. A taxa de transição no ensino regular é de 90%. Hoje, nos Açores, temos a população empregada mais alta da nossa história. Sim, é verdade, nunca houve nesta Região tantas pessoas a trabalhar. Nunca tantas mulheres desta Região conquistaram autonomia pessoal e conquistaram o seu emprego”.


No entanto, Francisco César alertou para “uma dimensão da nossa democracia que continua fragilizada e sem a qual estamos sempre a viver uma democracia incompleta”, disse, referindo-se “aos fenómenos de pobreza e de privação que afligem ainda, infelizmente, milhares de açorianos”.


Apesar da “ampla rede de apoio social que permite que essas situações sejam compensadas”, o Presidente da bancada socialista deixou uma garantia: “A mais incisiva das recomendações que posso, em nome do grupo parlamentar do PS, reiterar, é, justamente, o de acentuarmos os esforços, também no âmbito da Estratégia Regional de Combate à Pobreza e à Exclusão Social, para atenuarmos esta mancha que perdura entre nós”.


Ao contrário de alguns partidos para quem “tudo está sempre mal e de tudo o governo tem sempre culpa”, o Partido Socialista reconhece que “nem tudo vai bem, é certo, mas há muitos progressos, muitas adversidades vencidas e muita obra que nos orgulha e que a muitos servem nos nossos Açores”.


Francisco César lamenta que nem toda a oposição esteja disponível para criar pontes: “Uma das coisas que mais distingue o PS de alguns outros partidos na nossa Região, que sobre todas as coisas falam com a maior das facilidades, é a consciência que temos da impossibilidade de resolver sozinhos e de uma vez, alguns velhos problemas e a persistência que, simultaneamente, revelamos em não desistir de os trabalhar com sucesso”.


“Uma coisa é certa – alguns partidos criticam, mas é ao PS que tem cabido a iniciativa; alguns partidos falam, mas é ao PS que tem cabido a ação. Seja na qualificação, sejam nas políticas para o mar, seja no serviço regional de saúde, sabemos que há muito trabalho a fazer, mas os açorianos podem contar com o empenho do Partido Socialista”, assegurou.

2019-11-28 16:54:57, por PS/Açores

 
HomeNotícias | Media Center | Agenda | OpiniãoPartido | Presidente | Grupo Parlamentar ALRAA | Deputados AR | Deputados PE | Documentos | Links | Contactos
 
Sede Regional - Bairro da Vitória - Rua Dr. Armando Narciso, nº 5 – S. José - 9500-185 Ponta Delgada
Partido Socialista Açores © Todos os Direitos Reservados