Página Principal Presidente Presidente Honorário Partido Media Center Contatos Siga-nos!
 

Notícias PS/Açores

Vasco Cordeiro apresenta balanço dos prejuízos do furacão Lorenzo e anuncia medidas de apoio já aprovadas


Vasco Cordeiro preside à Assembleia-Geral da CRPM com fundos comunitários e coesão na agenda


PS garante que os Açorianos passam a ter liberdade para escolher entre usar gás ou outras fontes de energia


Adesão dos Açorianos faz do Orçamento Participativo uma “história de sucesso”, afirma Vasco Cordeiro


Artigos de Opinião

Francisco Coelho Francisco Coelho
"Rescaldo"
2019-10-12
José Miguel Toste José Miguel Toste
"Dire(i)to à política: Auspícios, factos e alguma animação"
2019-10-12
Hernâni Bettencourt Hernâni Bettencourt
"Os eleitores gostam mesmo da “geringonça”?"
2019-10-11
Sónia Nicolau Sónia Nicolau
"A abstenção espelha uma crise de participação cívica"
2019-10-10
Hernâni Bettencourt Hernâni Bettencourt
"Missão geral: reerguer, recuperar e reconstruir!"
2019-10-07
Francisco Coelho Francisco Coelho
"Beijos…"
2019-10-05
Tiago Branco Tiago Branco
"Que diferença!"
2019-10-04
  Homepage Homepage Homepage Homepage

« NOTÍCIA ANTERIOR
PS/Açores lança repto à oposição para construir “um ...

PRÓXIMA NOTÍCIA »
Proposta do PS sobre Cuidadores Informais responde à...

PS lamenta que nenhum partido se tenha unido em prol dos Açores e dos Açorianos

PS Açores - PS lamenta que nenhum partido se tenha unido em prol dos Açores e dos Açorianos

O Grupo Parlamentar do PS/Açores desafiou os partidos da oposição para, em conjunto, estabelecerem um acordo sobre um “caderno de encargos das Autonomias para o Futuro”, mas partidos com responsabilidade, não responderam a favor dos Açorianos. “Infelizmente, algumas forças partidárias, nomeadamente o PSD, tudo esqueceram sobre a avaliação do passado e ignoraram a projeção em relação ao futuro”, lamentou Francisco César depois de encerrado o debate.


“Dedicámos a nossa intervenção a apresentar as prioridades, para os próximos quatro, em relação ao relacionamento com a República. Esperávamos que da parte do maior Partido da oposição viesse uma resposta de acordo ou desacordo em relação aos desígnios que temos para os próximos quatro anos, mas o que tivemos foi um silêncio”, afirmou o líder parlamentar da bancada socialista na Assembleia Legislativa da Região Autónoma dos Açores.


Francisco César defende que “não nos podemos conformar com meia página, num programa eleitoral, como tem o PSD em relação às Autonomias. Nós acreditamos que devemos ir mais além. Acreditamos que juntos temos a capacidade para influenciar mais os nossos Partidos no que diz respeito às nossas Autonomias”.


Esta recusa do PSD/A, em avaliar o programa eleitoral do seu partido, demonstra, para Francisco César, que “os social-democratas dos Açores sabem bem o que pensa Rui Rio sobre as Autonomias, sabem bem que não podem contar com o PSD nacional para cumprir os compromissos com os Açores”.


Aliás, como fez notar o líder parlamentar dos socialistas, “o PSD/Açores ficou tão feliz com a interpretação que fez das declarações de António Costa, ao DN da Madeira que nem reparou, que o presidente do seu partido, Rui Rio, fez declarações exatamente com o mesmo teor, ao dizer que o funcionamento do atual modelo de subsidio social de mobilidade era um modelo ridículo que penalizava, em muito, os cidadãos”.


Sobre este tema, Francisco César, reafirma que a posição do Partido Socialista é: “rever o atual modelo de forma a que ele onere menos os contribuintes e onere menos os passageiros residentes, mas garantir exatamente a mesma mobilidade que têm hoje, ou ainda mais, quer ao nível dos custos diretos, quer ao nível da capacidade de mobilidade e de voos”.

2019-09-11 12:36:25, por PS/Açores

 
HomeNotícias | Media Center | Agenda | OpiniãoPartido | Presidente | Grupo Parlamentar ALRAA | Deputados AR | Deputados PE | Documentos | Links | Contactos
 
Sede Regional - Bairro da Vitória - Rua Dr. Armando Narciso, nº 5 – S. José - 9500-185 Ponta Delgada
Partido Socialista Açores © Todos os Direitos Reservados