Página Principal Presidente Presidente Honorário Partido Media Center Contatos Siga-nos!
 

Notícias PS/Açores

“Autonomia é uma das grandes histórias de sucesso do Portugal democrático”, garante Vasco Cordeiro


Parcerias são a trave-mestra do apoio social prestado aos Açorianos, afirma Vasco Cordeiro


Vasco Cordeiro anuncia cursos de formação no setor turístico em todas as ilhas


PS congratula-se com aprovação de iniciativa sobre a ampliação do aeroporto da Horta


Artigos de Opinião

Lara Martinho Lara Martinho
"QUAL O ESTADO DA NAÇÃO?"
2018-07-14
José Contente José Contente
"Educação parental chegou a 2500 pessoas"
2018-07-18
Ricardo Serrão Santos Ricardo Serrão Santos
"POSEI: Phill Hogan, “um passito para trás”"
2018-07-14
Sónia Nicolau Sónia Nicolau
"Negociação não é rendição"
2018-07-11
Lara Martinho Lara Martinho
"DESCONTAMINAÇÃO, UM CAMINHO RECONHECIDO PELA OPOSIÇÃO"
2018-07-07
José Contente José Contente
"Pathos, ethos e logos"
2018-07-06
Sónia Nicolau Sónia Nicolau
"Zonas Balneares: entre os 0% e os 100%"
2018-07-03
  Homepage Homepage Homepage Homepage

« NOTÍCIA ANTERIOR
Instituições são parceiras do combate à pobreza e ex...

PRÓXIMA NOTÍCIA »
PS responsabiliza Câmara de Ponta Delgada pela falta...

PS obriga Câmara de Ponta Delgada a viabilizar auditoria externa ao Coliseu Micaelense

PS Açores - PS obriga Câmara de Ponta Delgada a viabilizar auditoria externa ao Coliseu Micaelense

Com base em suspeitas de faturação fraudulenta, os vereadores do PS na Câmara Municipal de Ponta Delgada apresentaram, esta quarta-feira, uma iniciativa que determina, com efeitos imediatos, a realização de uma auditoria externa funcional e financeira ao Coliseu Micaelense, proposta que a maioria do PSD viabilizou através da abstenção.


Tendo em conta os documentos facultados, os vereadores do PS acreditam que há fortes indícios de que a Sociedade Coliseu Micaelense emitiu faturas com forma legal duvidosa e consideram que a circunstância atípica verificada com a faturação no Coliseu Micaelense pode configurar o crime de fraude fiscal, previsto e punido no artigo 103.º do Regime Geral das Infrações Tributárias.


Relativamente ao afastamento, em outubro de 2017, do Diretor do Coliseu Micaelense, Miguel Brilhante, os vereadores do Partido Socialista reiteram que se revestiu de um procedimento esquivo e com contornos ainda não cabalmente explicados.


Para a vereação socialista, havendo matéria suscetível de “destruição de documentos”, a ter em conta as declarações - públicas - do Presidente do Conselho de Administração, José Medeiros, a situação poderá consubstanciar um delito e, como tal, deveria ter sido apresentada a devida participação criminal.


Os vereadores do Partido Socialista solicitaram, igualmente, que os factos, apresentados em reunião de câmara, sejam facultados à Direção de Finanças de Ponta Delgada e à Secção Regional do Tribunal de Contas dos Açores. 

2018-01-10 15:33:23, por PS/Açores

 
HomeNotícias | Media Center | Agenda | OpiniãoPartido | Presidente | Grupo Parlamentar ALRAA | Deputados AR | Deputados PE | Documentos | Links | Contactos
 
Sede Regional - Bairro da Vitória - Rua Dr. Armando Narciso, nº 5 – S. José - 9500-185 Ponta Delgada
Partido Socialista Açores © Todos os Direitos Reservados