Página Principal Presidente Presidente Honorário Partido Media Center Contactos Siga-nos!
 

Notícias PS/Açores

Serviço Regional de Saúde com reforço de 95 milhões de euros, anuncia Vasco Cordeiro


Coesão social é o grande desafio da UE para a recuperação pós-COVID, afirma Vasco Cordeiro


Isabel Almeida Rodrigues questiona Diretora da UNICEF sobre medidas de proteção à infância


PSD chumba consulta pública do projeto de requalificação do Mercado da Graça


Artigos de Opinião

José Contente José Contente
"Decisões"
2020-07-01
José San-Bento José San-Bento
"PANdemónio"
2020-06-29
Mariana Matos Mariana Matos
"Viver os Açores!"
2020-06-28
Vílson Ponte Gomes Vílson Ponte Gomes
"Pela terceira vez"
2020-06-28
Mónica Rocha Mónica Rocha
"A imprescindível defesa e valorização da Agricultura Familiar"
2020-06-28
Francisco Coelho Francisco Coelho
"Concertação"
2020-06-27
Lara Martinho Lara Martinho
"CTT, TAP E OUTRAS NOVIDADES!"
2020-06-27
  Homepage Homepage Homepage Homepage

« NOTÍCIA ANTERIOR
Parlamento aprova proposta do PS para proteger a agr...

PRÓXIMA NOTÍCIA »
PSD “queria sangue” e acabou isolado na Comissão de ...

Alzira Silva condena “arautos da desgraça” do Faial

PS Açores - Alzira Silva condena “arautos da desgraça” do Faial A deputada do PS/Açores Alzira Silva garantiu, esta sexta-feira, que a Ilha do Faial vai manter um núcleo de comunicações da Marinha ligado ao socorro no mar e acusou o PSD de ser um “arauto da desgraça” e de esquecer os interesses colectivos dos Açores.
A deputada socialista, que falava no Plenário da Assembleia Legislativa num debate sobre a Rádio Naval da Horta, salientou a importância de manter uma estação nos Açores, depois do risco real desta infra-estrutura sair da Região.
“O que a Região devia salvaguardar está salvaguardado: manter nos Açores a central de comunicações e manter no Faial a estação DGPS e GMDSS e não perder o projecto de co-financiamento da NATO”, explicou Alzira Silva.
Segundo a parlamentar do PS/Açores - que recordou que a Estação Rádio Naval da Horta é a única que resiste no país com estas características – tudo isso foi acautelado dentro das decisões da NATO, da Marinha Portuguesa, da irreversibilidade do processo tecnológico e da economia de meios.
“Encontrou-se uma solução equilibrada e afastou-se uma solução de corte abrupto que esteve no horizonte”, afirmou Alzira Silva, que salientou, ainda, que estará sempre na primeira linha da defesa da Ilha do Faial.
“O impacto negativo está longe de ter a dimensão que o PSD lhe pretende dar”, assegurou a parlamentar do PS, para quem o entendimento social-democrata que o Estado deve assegurar uma distribuição equilibrada dos seus serviços, entre as diversas ilhas, fica acautelado com a permanência do socorro e salvamento no mar no Faial.
“Importa entender os novos enquadramentos do Mundo em que nos movimentamos e do qual também somos agentes de progresso e desenvolvimento, sob pena de nos transformarmos, apenas, em arautos da desgraça”, concluiu a deputada socialista.

2010-07-16 15:39:58, por PS/Açores

 
HomeNotícias | Media Center | Agenda | OpiniãoPartido | Presidente | Grupo Parlamentar ALRAA | Deputados AR | Deputados PE | Documentos | Links | Contactos
 
Sede Regional - Bairro da Vitória - Rua Dr. Armando Narciso, nº 5 – S. José - 9500-185 Ponta Delgada
Partido Socialista Açores © Todos os Direitos Reservados